Notícias

Participação do IEPCF em mais uma Tese de Doutorado

No dia 12 de maio do corrente ano (2017) foi realizada a Banca Examinadora para obtenção do Título de Doutor em Ciências Odontológicas, na Faculdade de Odontologia-USP, da Mestre Thais Torralbo Lopes Capp, cirurgiã-dentista pesquisadora do IEPCF. A defesa foi realizada pela candidata com grande brilhantismo, o mesmo demonstrado em suas defesas anteriores. A orientadora do trabalho foi aProfª. Maria Gabriela HayeBiazevic, que também merece ser parabenizada por sua capacidade já que, sempre de maneira prazerosa e eficiente, conduz suas orientações de resultado produtivo e cientificamente proveitoso. A Tese, intitulada “Análise da variabilidade métrica dos parâmetros de Antropologia Forense para estimativa do sexo de duas populações: escocesa e brasileira”, teve parte de seus trabalhos de laboratório realizados em nosso país, com a utilização da coleção de esqueletos mantidos pelo IEPCF, representando a amostra de brasileiros, e parte na Escócia utilizando semelhante coleção da Universityof Dundee, representando a amostra escocesa. A banca contou ainda com a participação, através de teleconferência, da Profª. Scheila Manica diretamente da Universityof Dundee, na Escócia. Dessa forma, o IEPCF vai se consolidando no cenário científico, ao cumprir sua missão de apoiar e estimular a pesquisa na área de Ciências Forenses, colaborando com trabalhos em parcerias internacionais e incentivando a vida acadêmica em nosso país.


A Dra. Thais, ladeada a sua direita por sua orientadora, a Profª. Maria Gabriela Biazevic e pelo Prof. Luiz Airton, e a sua esquerda pelos Profs. Rodolfo Melani e Ricardo Henrique da Silva, todos membros de sua Banca Examinadora, após sua Defesa de Tese.

Visita Internacional

Instituto de Ensino e Pesquisa em Ciências Forenses - IEPCF recebeu no dia 23 de novembro de 2017 a visita da ProfªDrª. Eugénia Cunha, Professora Catedrática de Antropologia do Departamento de Ciências da Vida da Universidade de Coimbra e, até 2016, Presidente da FASE (ForensicAnthropologySocietyofEurope).
Além de pesquisadora consagrada, com dezenas de trabalhos em conceituadas publicações de todo o mundo, e de diversos capítulos de livros, é autora de uma importante obra de divulgação científica intitulada "Como nos Tornámos Humanos", já na sua 2ª edição lançada em 2010.
Na Universidade de Coimbra é responsável por uma das mais completas e organizadas coleções de esqueletos humanos identificados, que dá suporte à pesquisa antropológica, não apenas da Europa, mas de pesquisadores de todo o mundo.
Daí o seu interesse em visitar o IEPCF, mantenedor também de uma coleção de esqueletos completos identificados (são atualmente sete em nosso país, sendo algumas apenas de crânios), que tem servido de base para pesquisas, principalmente em Antropologia Forense, por esse motivo já citada em diversas publicações de alcance internacional.
Recebida pela manhã por diretores e pesquisadores do IEPCF, após ser inteirada das principais linhas de pesquisa do instituto, foi-lhe mostrado o seu acervo, como também foi informada das atividades em curso e acerca de dois aparelhos lá desenvolvidos, já patenteados, em parceria com a Disciplina de Odontologia Legal da Faculdade de Odontologia-USP, destinados a realizar medidas ósseas do crânio e da mandíbula com elevada precisão.
Após almoço de confraternização, com diretores e pesquisadores do IEPCF, da USP e da UNIFESP, recebeu à tarde da Câmara de Vereadores de Guarulhos, por iniciativa do médico Vereador Eduardo Carneiro, uma Moção de Congratulação por sua visita, materializada pela entrega de uma linda placa alusiva ao fato.
Ainda que a Profª. Eugénia Cunha frequente as atividades científicas do Brasil há cerca de dezoito anos, demonstrando uma carinhosa atenção pelo nosso país, com certeza esta sua visita deverá ser-lhe marcante, como bem externou por sua transbordante emoção.

O Prof. Luiz Airton fazendo um histórico e apresentação do IEPCF.

Da esquerda para a direita: Profª. Thais Capp (IEPCF), Profª. Maria Gabriela (FO-USP), Dr. Roberto Vaz (IEPCF), Profª. Eugénia Cunha (Univ. deCoimbra), Prof. Ellen Rocha e Prof. Luiz Airton (IEPCF).

Ladeada pelo Vereador Eduardo Carneiro, à esquerda, e pela Profª. Claudia Plens (UNIFESP), à direita, após o recebimento da homenagem na Câmara Municipal de Guarulhos.

IEPCF recebe comitiva de Moçambique

No dia 17 de março de 2016, esteve em visita ao IEPCF uma comitiva formada por administradores de cemitério da República de Moçambique, acompanhados por servidores da Prefeitura Municipal de Guarulhos. O objetivo de sua vinda era o de conhecer a moderna estrutura administrativa empregada na rede de cemitérios municipais. A visita se deu por iniciativa da Gestora do Depto. de Cemitérios, Sra. Rosimeire Batista Salgado de Almeida, que considerou interessante que conhecessem o IEPCF e seus trabalhos de ensino e pesquisa na área de Ciências Forenses. Após apresentação oral por parte dos Prfs. Luiz Airton e Wilson Lino, os membros da comitiva demonstraram grande interesse em conhecer aspectos técnicos das pesquisas desenvolvidas. Por último, a direção do IEPCF, como medida de reconhecimento da importância do apoio recebido do Depto. de Cemitérios, através de sua Gestora, como também por parte do Gestor do Cemitério Necrópole do Campo Santo, Sr. Francisco Cristiano Lopes, ofereceu à República de Moçambique a oportunidade de formação técnica, teórica e prática, na área de Antropologia Forense, sem nenhum ônus para com o IEPCF, se assim for considerado de interesse pelas autoridades moçambicanas da área forense. 

Em visita ao IEPCF os moçambicanos Horácio Facitela Malwane, Alfredo Faije e Domingas Pinto Romão, acompanhados da Gestora do Depto. de Cemitérios, Sra. Rosimeire B. Salgado de Almeida, do Sr. Diogo Bueno de Lima da Coordenadoria de Relações Internacionais e do Sr. Francisco Cristiano L. Lopes da Gerência do Cemitério Necrópole do Campo Santo, com os Profs. Luiz Airton e Wilson Lino.

000webhost logo